Início > Portal da Transparência
Portal da Transparência - Plano de A??o de vacina Contra COVID-19

PLANO DE AÇÃO DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

MUNICÍPIO DE HONÓRIO SERPA

                              

IDENTIFICAÇÃO

Município: HONÓRIO SERPA

Regional de Saúde: 7º

Endereço da SMS: AVENIDA DAS FLORES

Função

Contato

Nome

Telefone

E-mail

Secretário/a Municipal de Saúde

José Carlos Peron

(46) 32451216

Jota.c.p@hotmail.com

saudehs@hotmail.com

Responsável Vigilância Epidemiológica

Bruna Maria Costella Boldori

(46) 999216716

abhonorio.s@hotmail.com

Responsável Vigilância Sanitária

Jocelma Santos

(46) 999338354

vigilanciahonorio.s@hotmail.com

Responsável Atenção Primária

Bruna Maria Costella Boldori

(46) 999216716

abhonorio.s@hotmail.com

Coordenador/a Imunização

Bruna Maria Costella Boldori

(46) 999216716

abhonorio.s@hotmail.com

FARMACOVIGILÂNCIA

Ações

Atividades

Notificação de EAPV

·         Orientação para os profissionais das equipes sobre as reações;

·         Notificação da EAPV no momento que a pessoa vacinada procura a Unidade de saúde e relata a reação. Profissional da sala de vacina que vai notificar;

·         Notificar qualquer tipo de reação;

·         Notificação realizada pelo e-Sus Notifica.

Investigação de EAPV

·         Profissionais de sala de vacinação e Equipes Saúde da Família;

·         Investigação realizada pelo e-Sus Notifica;

·         Conforme a reação adversa da pessoa a equipe da saúde da família avalia e encaminha ao Centro 24 horas.

Identificação de Eventos Graves Pós-Vacinação, conforme Portaria n.° 204, de 17 de fevereiro de 2016

·         Quando ocorrer uma reação grave em 24 horas informar a Regional responsável: Enfermeira Bruna e vacinadores Alice e Rosangela. Informação vai ser passada via telefone e whatsApp. Neste caso de reação grave encaminha-se ao Centro de Saúde 24 horas via comunicação prévia e relatando o caso.

OPERACIONALIZAÇÃO DA VACINAÇÃO

Ações

Atividades

Organização da Rede de Frio

·         Município possui uma sala de Rede de Frio onde receberá os insumos e armazena em geladeira específica.

·         As Equipes de Saúde da Família recebem as doses de vacina em caixa térmicas ambientadas e com termômetro e a folha de registro de controle de temperatura para levar a Unidade do interior, a quantidade de dose que a equipe vai receber será registrada em folha a parte para  ter controle do que saiu do estoque;

·         Equipe também está orientada sobre a validade do frasco de vacina sendo assim poderá levar um frasco de manhã na unidade e retornar com o mesmo após o meio dia, para a outra equipe terminar de vacinar, importante não perder doses.

Capacitação/atualização dos profissionais de saúde

·         Os profissionais de saúde serão orientados no decorrer da campanha  e conforme mais orientações vão sendo repassadas as equipes, as mesma serão sempre orientadas sobre alguma mudança no decorrer da campanha;

·         Orientações as equipes sobre o uso do EPi’s, máscaras, luvas se necessário uma por paciente, alccol 70%, avental.

Vacinação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

·         Limpeza da sala de vacinação com álcool 70%;

·         Na frente da Unidade será colocada barraca para triagem da população, para somente encaminhar a sala de vacinação quem realmente está no grupo elencado a ser vacinado;

·         No momento está sendo realizada a vacinação extra muro;

·         Os grupos elencados do devido tempo só vão receber a vacina do Covid e reagendar outra vacina de rotina para 15 dias;

·         Disponibilizar álcool 70% e uso obrigatório de máscara, profissionais com máscaras cirúrgicas ou N95;

·         Máscaras disponíveis para distribuição a população;

·         Vacinação será realizada conforme doses recebidas, sempre respeitando os grupos prioritários;

·         Conforme doses recebidas e faixa etária elencada dos Idosos, se o total de vacina não completar todas as pessoas daquela faixa etária que foi aberta para ser vacinada, será usado o critério de comorbidades (Idosos com várias doenças pré-existentes);

·         Mesma coisa vai acontecer com os outros grupos prioritários como o grupo de pessoas com comorbidades, o critério a ser usado vai ser da pessoa que está com maior risco de adoecer pelo covid-19.

·         O próximo grupo é o das pessoas com  Comorbidades e Professores e funcionários das escolas públicas e privadas do ensino básico( creche, pré-escola, ensino fundamental e ensino médio) onde será em duas fases e com alguns critérios para seguir na vacinação. Estas orientações estarão como Anexo I, III e IV e Fase I e II no final deste plano.

·         Cada Equipe da Estratégia Saúde da Família vai realizar a organização da vacinação, sempre seguindo o Plano Municipal que está de acordo com o Plano Estadual 3ª edição.

·         Esta etapa das pessoas com comorbidades terá uma declaração feita pela equipe de saúde que estará em anexo, que será composta pelo médico, enfermeira e auxiliar e técnico de enfermagem, para ser realizada a vacina nas pessoas contempladas nesta fase.

·         Os professores e funcionários também devem trazer a declaração preenchida para receber a vacina. Se a quantidade de vacina a ser recebida não contemplar todos os professores vai ser usado critério de idade do mais velho ao mais novo e também as comorbidades existentes.

·         Nesta fase está elencado gestantes e puérperas com comorbidades, mas no momento está suspensa em receber a vacina da AstraZeneca- Fiocruz, só serão vacinadas se recebermos a vacina Coronavac- Butantan ou a da Pfizer.

 

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Ações

Atividades

Operacionalização do Sistema de Informação

·         Na sala de vacina cadastrada o vacinador que irá fazer o registro da dose no sistema SIPNI covid;

·         Nas unidades do interior se tiver internet a enfermeira treinada faz o registro no SIPNI, senão vai ser registrado em planilha a parte e lançado no SIPNI quando a equipe retornar a Unidade de referência da sala de vacina.

Vacinação Extra Muro

·         Quando for realizada a vacina extra muro se houver necessidade, teremos uma folha a parte para registro dessas doses para posterior lançamento no sistema oficial;

·         Está acontecendo com os Idosos de maior idade, pela distância de cada um e por a vacina ter validade após aberta;

·         Está sendo dividida por ESF onde cada vai em sua área realizar a vacinação.

Registro na Caderneta de Vacinação

·         Todas as equipes irão receber o cartão vacinal para ser registrado os dados completos sobre a vacina.

GRUPOS PRIORITÁRIOS

Grupos Prioritários

Quantitativo

Pessoas de 60 anos ou mais, Institucionalizadas

 

População Indígena em Terras Indígenas Demarcadas

 

Trabalhadores de Saúde que atuam em Serviços de Saúde ( Caps, laboratórios públicos e privados que fazem coletas para o covid, Farmácias, clínicas, odontologias)

121

Pessoas de 90 anos e mais

12

Pessoas de 80 anos a 89 anos

93

Pessoas de 75 a 79 anos

86

Pessoas de 70 a 74 anos

171

Pessoas de 65 a 69 anos

221

Pessoas de 60 a 64 anos

256

Pessoas em Situação de Rua

 

Trabalhadores de Força de Segurança e Salvamento ( Policiais Federais, militares, civis e rodoviários, bombeiros militares e civis e guardas municipais).

6

Comorbidades, pessoas com 18 a 59 anos com uma ou mais das comorbidades pré-determinadas: DM, HA, IC,Hipertensão pulmonar crônica, Cardiopatia Hipertensiva, Síndrome coronarianas, Valvopatias, Miocardiopatias e Pericardiopatia, Doença da Aorta, Arritmias Cardíacas, Cardiopatia congênita do adulto, Doença Cerebrovascular, Doença renal crônica, Imunossuprimidos, Anemia falciforme, Obesidade mórbida, Síndrome de Down.

300

Trabalhadores Educação do ensino Básico ( creche, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA), professores e funcionários das escolas publicas e privadas.

150

 

Pessoas com Deficiência Institucionalizadas

 

Pessoas com Deficiência Permanente Severa

12

Quilombolas, Povos e Comunidades Tradicionais Ribeirinhas

 

Caminhoneiros

5

Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário de Passageiros Urbano e de longo curso.

20

Trabalhadores de Transporte Aéreo

 

Trabalhadores Portuários

 

População Privada de Liberdade (exceto trabalhadores de saúde e segurança)

 

Trabalhadores do Sistema Prisional

 

TOTAL

1.453

COMUNICAÇÃO

Ações

Atividades

Comunicação

·         Orientações das Equipes ESF;

·         Informações sobre a campanha na Rádio local, conforme for acontecendo a campanha;

·         Boletim diário com as doses e grupos já imunizados;

·         Entrevistas com publicação no facebook.

 

 

 

 

           

 

ANEXOS I E III COM FASES I E II DO PLANO ESTADUAL DA 3ª EDIÇÃO  DO GRUPO PRIORITÁRIO DAS PESSOAS COM COMORBIDADES.

 

HONÓRIO SERPA, 12 DE MAIO DE 2021

 

 

 

JOSÉ CARLOS PERON

DIRETOR DO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE SAÚDE

 

BRUNA MARIA COSTELLA BOLDORI

ENFERMEIRA ATENÇÃO BÁSICA E EPIDEMIOLOGIA

 

 

 

 

 

 

Anexos





 

DECLARAÇÃO MÉDICA PARA PESSOAS DOS GRUPOS DE COMORBIDADES PARA A VACINA COVID-19 – Honório Serpa- Pr – Departamento de Saúde

 

Declaro que o (a) Sr (a)________________________________________________________,

CPF: ______________________________ é portador de condição prioritária para vacinação contra a COVID-19 assinalada a seguir, conforme o Plano Nacional 3ª edição e Plano Municipal de vacinação do COVID-19.

Assinale a condição/                                           Descrição                                                            CID-10

Comorbidade prioritária

 

Diabetes mellitus – qualquer individuo com diabetes                                                 E.10-14

E.10-14

 

Pneumopatia crônica grave – indivíduos com pneumopatias graves incluindo

DPOC, fibrose cística, fibroses pulmonares, pneumoconioses, displasia bronco-  

pulmonar e asma grave (uso recorrente de corticoides sistêmicos, internação

prévia por crise asmática)

J.40-44

 

Hipertensão Arterial resistente- HAR: quando a pressão arterial permanece

acima das metas recomendadas com o uso de três ou mais anti-hipertensivos

de diferentes classes, em doses máximas preconizadas e toleradas, administradas com frequência, dosagem apropriada e comprovada adesão ou PA controlada em uso de 4 ou mais fármacos anti-hipertensivos

 

I.11-15

 

 

 

 

Hipertensão Arterial estágio 3- PA sistólica ≥180mmHg e/ou diastólica ≥110mmHg independente da presença de lesão em órgão-alvo(LOA) ou comorbidade

I.11-15

 

Hipertensão Arterial estágio 1 e 2 com LOA/comorbidade- Pa sistólica entre 140 e 179mmHg ou diastólica entre 90 e 109mmHg na presença delesão emórgão-alvo(LOA) ou comorbidade

I.11-15

 

Insuficiência Cardíaca(IC)- IC com fração de ejeção reduzida, intermediária ou preservada; em estágio B,C ou D, independente de classe funcional da New York Heart Association

I.20-28

 

Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar- Cor-pulmonale crônica, hipertensão pulmonar primária ou secundária

I.20-28

 

Cardiopatia hipertensiva- Cardiopatia hipertensiva(hipertrofia ventricular esquerda ou dilatação, sobrecarga atrial e ventricular, disfunção diastólica ou sistólica, LOA)

I.20-28

 

Síndrome coronarianas- Síndrome coronarianas crônicas( angina pectoris estável, cardiopatia isquêmica, pós infarto agudo do miocárdio, outras)

I.20-28

 

Valvopatias- Lesões valvares com repercussão hemodinâmica ou sintomática ou com comprometimento miocárdio(estenose ou insuficiência  aórtica; estenose ou insuficiência mitral; estenose ou insuficiência pulmonar; estenose ou insuficiência tricúspide e outras

I.34-50

 

Miocardiopatias e Pericardiopatias-  Miocardiopatias de quaisquer etiologias ou fenótipos; pericardite crônica; cardiopatia reumática

I.34-50

 

Doenças da Aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas- Aneurismas, dissecções, hematomas da aorta e demais grandes vasos

I.34-50

 

Arritmias cardíacas- Arritmias cardíacas com importância clínica ou cardiopatia associada (fibrilação e flutter atriais e outras)

I.34-50

 

Cardiopatias congênitas no adulto- Cardiopatias congênitas com repercussão hemodinâmica, crises hipoxêmicas; insuficiênciacardíaca; arritmias; comprometimento miocárdio

I.34-50

 

Doencas cerebrovascular- AVC isquêmico ou hemorrágico; ataque isquêmico transitório; demência vascular

G.45

I.60-69

 

Doença renal crônica- doença renal crônica estágio 3 ou mais (taxa de filtração glomerular <60ml/min/1,73 m2) e síndrome nefrótica

N.18

 

Imunossuprimidos- Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de doses de prednisona ou equivalente >10mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticoide ou ciclofosfamida; demais indivíduos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias; pacientes oncológicos que realizam tratamento quimioterápicos ou radioterápico nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas

Z.94

 

B.20-24

 

C.00-97

 

Anemia falciforme- Anemia falciforme

D.57

 

Obesidade mórbida- Índice de massa corpórea (IMC) ≥40

E66.8

 

Síndrome de Down – Trissomia do cromossomo 21

Q.90

 

Gestantes e Puérperas – mulheres gestantes em qualquer idade gestacional entre 18 e 59 anos de idade.

Z.34-35

Z.39

Declaro também que o paciente acima citado está sob meus cuidados médicos e acompanhamento, faz uso das seguintes medicações de uso contínuo: ___________________

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Declaro para fins de direito e sob as penas da lei que as informações prestadas são verdadeira e autênticas. Estou ciente que a falsidade desta declaração configura crime previsto no Código Penal Brasileiro e passível de apuração na forma da lai, além de configurar infração ética prevista no Código de Ética Médica ( Resolução CFMnº 2.217 de 27 de setembro de 2018, modificada pelas Resoluções CFM nº2.222/2018 e 2.226/219; capitulo X, artigos 80 e 81). Por ser verdade, dou fé.

 

Honório Serpa, _____de _________ de 2021.

 

_____________________________________________

Assinatura do médico/CRM(carimbo)

 

Eu_____________________________________________________, autorizo a registrar o diagnóstico codificado CID ou por extenso nesta declaração.

______________________________________________

Assinatura do usuáro

 

Horário de Atendimento
Seg. às Sex. das 08h00 às 12h00 e
13h00 às 17h00
Telefone
(46) 3245-1130
E-mail
ouvidoria@honorioserpa.pr.gov.br
Redes Sociais
Rua Elpídio dos Santos, 541 - Centro - Honório Serpa / Paraná - 85548-000
Desenvolvido por